quinta-feira, 9 de dezembro de 2010

Bahia • Polícia Federal prende 13 pessoas por compra de votos em Buerarema, Itabuna e Salvador.

Uma operação da Polícia Federal prendeu treze pessoas suspeitas de envolvimento em um esquema de compra de votos na cidade de Buerarema, no sul da Bahia. Doze mandados de busca e apreensão também foram cumpridos.

Conforme investigações da PF, ex-prefeito da cidade Orlando Filho seria o "articulador" do esquema de compra de votos que favoreceriam os candidatos Cláudia Oliveira (foto), deputada estadual e Jutahy Magalhães Junior (foto), deputado federal. A operação, batizada de Paga, também cumpriu mandados em Itabuna e Salvador. A investigação foi baseada em escutas telefônicas autorizadas pela Justiça.

Todos os detidos foram conduzidos para a Delegacia da Polícia Federal de Ilhéus, onde foram intererrogados e liberados. Eles responderão em liberdade por compra de votos, boca de urna, transporte ilegal de eleitores e formação de quadrilha. Entre os presos, está o presidente eleito da Câmara de Buerarema Geraldo Lima.

De acordo com a investigação, os candidatos beneficiados pelo esquema foram eleitos praticamente com a mesma quantidade de votos em Buerarema, em números próximos às listas com nomes de eleitores apreendidas pela PF. Uma busca do presidente da Câmara no dia do primeiro turno das eleições encontrou R$ 40 mil que seria usado para pagamento de votos, segundo a PF.

Um outro grupo, comandado por um policiail civil André Feitosa de Salvador e candidato a deputado federal, também montou um esquema, mas não conseguiu eleger seus candidatos - Heraldo Rocha para deputado estadual e Benito Gama para federal.

Nenhum comentário:

Rede Social

E-mail: falecom.portalbrasil@gmail.com

MSN Online: portal_brasil@hotmail.com

Twitter: http://twitter.com/Portal_Noticias

Orkut: http://www.orkut.com/Profile.aspx?uid=1174902884802331524